Casal morto em incêndio é sepultado em Araras, SP

Fogo de grandes proporções atingiu choperia no Centro. Bombeiros levaram mais de três horas para controlar as chamas.

O casal em situação de rua que morreu em um incêndio em Araras (SP) na noite de quarta-feira (26), foi sepultado na tarde desta quinta-feira (27), no Cemitério Municipal.

Segundo a Polícia Civil, o casal foi identificado como Fabio Rogerio de Camargo e Fernanda Gonçalves, ambos de 42 anos. O cachorro que era o companheiro inseparável deles também morreu.

O incêndio de grandes proporções atingiu a La Barca Choperia que fica na rua Armando Salles de Oliveira, no Centro da cidade.

Defesa Civil coordenou as ações de emergência

O fogo começou por volta das 19h30. A Defesa Civil coordenou as ações de emergência. O Corpo de Bombeiros foi ao local e levou mais de três horas para controlar as chamas.

Segundo a Defesa Civil, o casal e o cachorro já faziam uso do local à noite durante um tempo. Na vistoria, foi observada uma estrutura semelhante a um “fogão” improvisado, que pode ter sido o ponto inicial do incêndio.

A Defesa Civil constatou danos na estrutura do assoalho e destruição parcial, mas a alvenaria e estrutura metálica não foi danificada. O local foi isolado e as orientações dadas ao proprietário.

A Polícia Civil informou que a pericia já foi realizada no local e que agora terá uma investigação para apurar a causa do incêndio. Os corpos do casal foram removidos pelos bombeiros e levados para o Instituto Médico Legal (IML).

Artigos Relacionados

Acusado de estupro de uma criança de 4 anos preso pela PM é liberado após ser ouvido no plantão policial de Araras, SP

No local, a equipe policial fez contato com o pai da vítima, que informou que...

Confira as informações do Plantão Policial desta quinta-feira (18), com o repórter Beto Ribeiro

  O Café Júnior – Um primor de café desde 1945, traz as principais notícias policiais...

Mulher é denunciada por permitir espancamento brutal de filho de 2 anos

Segundo promotor, Ana Beatriz Morais de Oliveira, de 22 anos, poderia e deveria ter evitado...

Últimas Notícias